logo da pro solutti empresa de antecipação de recebíveis para processos trabalhistas

Meação: O que é e como funciona?

A meação é um conceito fundamental no direito de família e patrimonial. Ela refere-se à divisão de bens em situações específicas, como no regime de comunhão parcial de bens. Entender a meação pode ser crucial para decisões jurídicas e financeiras. Vamos explorar este tema em detalhes para que você fique bem informado.

O que é meação?

Meação é um termo jurídico que se refere à divisão do patrimônio comum de um casal. No Brasil, quando duas pessoas se casam ou estabelecem uma união estável, elas podem optar por diferentes regimes de bens. A meação então se torna relevante no momento em que há uma dissolução dessa relação, seja por divórcio ou por falecimento de um dos cônjuges.

Basicamente, a meação determina que cada cônjuge tem direito a 50% dos bens adquiridos durante a vigência do casamento, no regime de comunhão parcial de bens. Esta regra é uma medida de proteção, garantindo que ambos os cônjuges recebam uma parte igual dos bens acumulados em conjunto.

Como a meação é calculada?

O cálculo da meação leva em consideração apenas os bens adquiridos durante o casamento ou união estável. Existirão diferenças conforme o regime de bens adotado pelo casal, mas, de forma geral, seguem-se algumas premissas.

Inicialmente, é feito um levantamento patrimonial, catalogando os bens móveis e imóveis adquiridos ao longo do casamento. Bens adquiridos antes do casamento, recebidos por herança ou doação, geralmente não entram no cálculo, salvo se houver desejo e consentimento das partes envolvidas.

  • Bens adquiridos de forma onerosa durante o casamento são divididos igualmente entre os cônjuges.
  • Bens recebidos por herança ou doação constituem propriedade exclusiva do cônjuge beneficiado.
  • Investimentos e rendimentos gerados pelos bens comuns também são divididos igualmente.

Meação em diferentes regimes de bens

O regime de bens escolhido pelo casal influencia diretamente a forma como a meação será aplicada. Existem vários tipos de regimes de bens no Brasil, incluindo:

Comunhão parcial de bens

O regime de comunhão parcial de bens é o mais comum no Brasil. Nele, apenas os bens adquiridos após o casamento são partilháveis. Os bens particulares, ou seja, aqueles que cada cônjuge já possuía antes do casamento, além dos bens recebidos por herança ou doação, não entram na meação.

Comunhão universal de bens

Neste regime, todos os bens, adquiridos antes e depois do casamento, são considerados comuns ao casal e, portanto, sujeitos à meação. Exceções podem ocorrer em relação a heranças e doações que demandem cláusulas de incomunicabilidade.

Separação total de bens

Em casos de separação total de bens, cada cônjuge mantém a propriedade exclusiva dos bens adquiridos antes e durante o casamento. Não há bens comuns, e a meação não se aplica neste regime.

Participação final nos aquestos

Embora menos usual, neste regime, cada cônjuge tem a titularidade exclusiva do patrimônio adquirido individualmente. Porém, no término do casamento, os bens adquiridos de forma onerosa durante a união são divididos igualmente.

Meação em casos de divórcio

Durante um processo de divórcio, a discussão acerca da meação pode se tornar complexa e geralmente envolve os seguintes passos:

Levantamento de bens

O primeiro passo é realizar um levantamento de todos os bens acumulados pelo casal. Este levantamento inclui imóveis, veículos, contas bancárias, investimentos e qualquer outro item de valor adquirido durante o casamento.

Acordo entre as partes

O ideal é que os cônjuges tentem chegar a um acordo amigável sobre a divisão dos bens, o que pode ser facilitado por meio de mediação ou orientação de advogados especializados. Se o acordo for alcançado, pode-se seguir rapidamente para a formalização do divórcio.

Ação judicial

Se não houver consenso, a disputa patrimonial será decidida judicialmente. O juiz avaliará os bens, os regimes de bens escolhidos e as alegações das partes para decidir sobre a partilha.

A importância da meação no planejamento patrimonial

Planejamento patrimonial é crucial para evitar disputas e garantir proteção aos direitos dos cônjuges. A escolha do regime de bens é uma decisão que impacta diretamente a meação futura, destacando a importância de se realizar essa escolha de forma consciente e informada.

Advogados especializados em direito de família podem fornecer orientações sobre os diferentes regimes de bens e suas consequências jurídicas, ajudando o casal a tomar a melhor decisão conforme suas circunstâncias particulares. Além disso, um planejamento eficaz contribui para a gestão inteligente do patrimônio familiar, promovendo segurança e previsibilidade.

É também essencial considerar a elaboração de um pacto antenupcial, quando desejado um regime diferente do padrão, permitindo personalizar a administração dos bens e adaptá-los às necessidades específicas de cada casal.

Protegendo seus interesses

Em resumo, a compreensão profunda da meação é essencial para qualquer casal que deseja evitar conflitos futuros e assegurar a equidade na divisão de bens. A assessoria jurídica pode fazer toda a diferença, garantindo que todos os aspectos legais sejam adequadamente considerados e que os direitos de ambos os cônjuges sejam protegidos.

Entender a meação e o impacto dos diferentes regimes de bens sobre a partilha patrimonial proporciona não apenas tranquilidade, mas também uma base sólida para a prosperidade e bem-estar de todas as partes envolvidas.

Pro Solutti

Pro Solutti

Pro Solutti é uma empresa inovadora especializada em antecipação de recebíveis judiciais trabalhistas, comprometida em oferecer soluções rápidas e eficientes tanto para advogados quanto para reclamantes. Com uma forte ênfase em integridade e transparência, nossa missão é descomplicar o acesso a recursos financeiros, ajudando a superar os desafios do sistema judicial brasileiro. Conecte-se conosco para explorar como podemos facilitar a gestão financeira do seu escritório ou acelerar o recebimento do seu processo trabalhista.

Entre em Contato

Oferecemos uma solução rápida e segura para você antecipar seus créditos judiciários

Formulário de Contato